Ministro da Justiça diz que suspeitas de repasses do PSL serão apuradas

Nesta quinta-feira (14), o Ministro da Justiça e Segurança Pública, Sergio Moro, disse que serão investigadas suspeitas de repasses de recursos para o PSL (Partido Social Liberal) para candidaturas de fachada. Segundo o ministro, a determinação foi dada pelo presidente Jair Bolsonaro.

“O senhor presidente proferiu determinação e ela está sendo cumprida. Os fatos vão ser apurados e eventuais responsabilidades após investigações vão ser definidas”, disse Moro, sem precisamente explicar que casos serão foco das apurações.

Em entrevista exibida pelo Jornal da Record na noite de quarta-feira (13), o presidente informou que determinou à Polícia Federal a abertura de inquérito, para apurar suspeitas de desvios de recursos do Fundo Partidário destinados ao PSL por meio de candidaturas laranjas nas eleições de 2018.

Na mesma entrevista, o presidente afirmou que deu carta branca ao Ministro Sergio Moro para levar as apurações adiante.