Militante do “Lula Livre” imobilizada tentou agredir manifestantes pró-Lava Jato

No domingo (7) grupos contrários se reuniram na Avenida Paulista, em São Paulo. De um lado apoiadores da Operação Lava Jato saíram às ruas em protesto contra o Supremo Tribunal Federal (STF) e do lado, apoiadores do ex-presidente Lula.

Houve tumulto quando uma mulher que aparentava ter um objeto cortante. Iniciada a confusão, ela foi empurrada e imobilizada por manifestantes que, em seguida, chamaram a polícia militar.

O nome da manifestante não foi divulgado pela polícia.