Governo quer cobrar mais impostos dos maranhenses em 2019

O Governo do Maranhão enviou mensagens ao Legislativo em que sugere mudanças na Lei 8.948 de 15 de abril. A mensagem foi assinada pelo governador Flávio Dino e, na prática, as alterações propostas dizem respeito quase que exclusivamente ao aumento de impostos para vários produtos.

Entre os itens que devem sofrer aumento estão: diesel; gasolina; bebidas alcoólicas, cervejas e chopes; bebidas isotônicas; bebidas energéticas; gasolina; joias de metais preciosos ou de metais folheados ou chapeados.

Em média a alíquota de imposto cobrada pelo governo deve subir de 25% para 28%. Na mensagem enviada ao Legislativo, o governador afirmou que o aumento de impostos se deve ao colapso econômico que atingiu o Brasil no último ano do mandato de Dilma Rousseff.

“A crise econômico-financeira, na qual o país encontra-se imerso desde 2015 e que tem conduzido à redução substancial de repasses pela União”, disse o governador.