Governo vai vender imóveis para repor caixa da previdência

Nesta segunda-feira (18), foi feita uma reunião entre os membros da Segep – Secretaria de Estado da Gestão, Patrimônio e Assistência dos Servidores; Iprev – Instituto de Previdência dos Servidores do Maranhão; Sinduscon-MA – Sindicato das Indústrias da Construção Civil do Maranhão. A reunião teve como objeto em iniciar o plano do governo Flávio Dino (PCdoB), que é reforçar o caixa da Fepa – Fundo Estadual de Pensão e Aposentadorias.

O Fepa está em déficit desde 2017, e o mesmo está sendo usado pelo poder executivo para saques de forma recorrentes. Esses saques estão servindo como medida para honrar os pagamentos de pensões e aposentarias.

Conforme a LOA (Lei Orçamentária Anual) aprovada pela Assembleia Legislativa para o ano 2019, umas das formas de amenizar o déficit do fundo é a venda de imóveis que compõem o patrimônio do Fepa.

Atualmente a Previdência estadual conta com apenas R$ 200 milhões em caixa. Mas a previsão de gastos com pensões e aposentadorias para o ano que vem é de R$ 2,4 bilhões.