Lula fica calado em depoimento sobre esquema de corrupção

O ex-presidente Lula preferiu ficou em silêncio em depoimento realizado nesta 6ª feira (5), na Superintendência da Polícia Federal em Curitiba.

“A defesa não teve acesso aos autos do inquérito e pediu para que o depoimento seja realizado depois do acesso à íntegra dos documentos. Ninguém é obrigado a depor sobre documentos ocultos”, disse o advogado Cristiano Zanin.

Ele é investigado em 2 inquéritos sobre suspeitas de corrupção. O 1º investiga o pagamento propinas pela Odebrecht em contratos ligados à construção de navios-sonda pela Sete-Brasil. O 2º, a formação de 1 suposto cartel de construtoras para a obra da usina hidrelétrica de Belo Monte.

Em nota a PF declarou que a defesa de Lula teve amplo acesso aos papéis dos inquéritos.