Dias Toffoli confessa que apoiou o roubo de processo antes de ser ministro

Em 2014, em uma palestra na USP, Toffoli disse que apoiou o roubo de processos para impedir o despejo de invasores de propriedades em SP. Isso quando atuava no Departamento Jurídico do Centro Acadêmico XI de Agosto. Um sujeito com essa mentalidade pode continuar à frente do STF? pic.twitter.com/qP7rZ2ow0Y

— Lina Tofolario G (@tofolario) February 8, 2019