Concursos Públicos Federais terão novas regras

Em uma entrevista concedida nesta segunda-feira (01), para o Jornal da Manhã da rádio Jovem Pan, o secretário especial de Desburocratização, Gestão e Governo Digital do Ministério da Economia, Paulo Uebel, explicou o que deve ser feito antes de se realizar novos concursos.

O secretário disse que “são 14 medidas que as unidades deverão observar antes de fazer concursos públicos” e “a ideia é que não haja um novo servidor para cada novo aposentado”.

Paulo Uebel, secretário especial de Desburocratização, Gestão e Governo Digital do Ministério da Economia.

Paulo Uebel, secretário especial de Desburocratização, Gestão e Governo Digital do Ministério da Economia.

Para as novas medidas, Uebel deu como exemplo as universidades federais como no caso dos professores que estão próximos de se aposentarem: “as unidades têm que ver se algum docente está sem regência, se algum em cargo administrativo pode exercer. Se for comprovado que não pode ser automatizada e nem contar com o remanejamento de pessoas ou que as atividades são insubstituíveis, aí será analisado caso a caso”.

A medida do Governo Federal tem como meta promover o enxugamento da máquina pública nos próximos anos.

Os concursos que já foram realizados e aguardam por chamada continuam.