Com aprovação do Senado, COAF vai para Economia

Foi aprovada nesta terça-feira (28), no Senado Federal, a medida provisória (MP) editada em janeiro pelo presidente da República, Jair Bolsonaro, que reestruturou o governo, reduzindo, entre outras coisas, o número de ministérios de 29 para 22.

Durante a votação, os senadores decidiram manter a alteração feita pela Câmara que transferiu o Conselho de Controle de Atividades Financeira (COAF) do Ministério da Justiça para o Ministério da Economia.

Mais cedo, o presidente Bolsonaro havia pedido ao líder do Partido Social Liberal (PSL) no Senado, Major Olimpio (SP), para não impedir a transferência do órgão.

O ministro da Justiça, Sérgio Moro, e o ministro da Economia, Paulo Guedes, também reforçaram a requisição.

Na sessão desta terça-feira os senadores:

  • Aprovaram por 70 votos a 4 o texto-base da MP, conforme enviado pela Câmara;
  • Rejeitaram um destaque que previa o retorno do COAF para o Ministério da Justiça.