Falta de quórum atrasa publicação do edital do concurso da Câmara

O Ministério Público do Maranhão notificará a Câmara de São Luís devido ao atraso na publicação do edital do concurso da casa legislativa. O prazo foi esgotado no mês passado, e até agora, não houve justificativa pelo descumprimento do acordo.

De acordo com reportagem do portal “Folha Dirigida”, o mais acessado na área de concursos, as informações foram transmitidas pelo promotor responsável do caso, Lindojonson Gonçalves. Ele informou nesta quarta-feira, 12, que o principal entrave é a aprovação da resolução que cria os cargos da estrutura administrativa da Câmara, que inda não pôde ser votada por falta de quórum nas sessões.

A Câmara já havia informado que, simultaneamente a criação de cargos, realizava o processo licitatório para contratar a banca organizadora do concurso. Mas não foram divulgadas novas informações sobre esta etapa.

Conforme divulgado anteriormente, o acordo entre e Câmara de São Luís e o MP-MA inicialmente estabelecia que o edital fosse publicado até 25 de junho. Posteriormente, foi pedido um prazo maior, sob a alegação de que a Casa teria dificuldades na contratação da banca organizadora. Com isso, o novo prazo previa o edital para agosto, com provas em outubro e homologação ainda em dezembro deste ano.

A previsão divulgada agosto é de que os candidatos aprovados serão empossados em seus respectivos cargos já em janeiro de 2019. Com os atrasos, é possível que essas datas sejam adiadas, o que ainda não foi confirmado pela Câmara. Uma dúvida recorrente dos interessados no concurso é sobre o período eleitoral. Por se tratar de um órgão da esfera municipal, a publicação do edital e contratação de pessoal não são afetadas pelas Eleições 2018.