Emenda de Sarney Filho garante a Flávio Dino realização de programa

Intitulado de Maranhão Musical, um programa que vem garantindo ao governador Flávio Dino (PCdoB) popularidade e bons dividendos políticos, desde o ano de 2016, por meio do oferecimento de cursos regulares de iniciação e formação musical, vem sendo realizado em uma quantidade maior de cidades graças a uma emenda do deputado federal Sarney Filho (PV).

Embora parlamentar de oposição a gestão comunista, Sarney Filho destinou quase R$ 1 milhão para o programa, por meio de convênio celebrado entre o Ministério da Cultura (MinC) e a Secretaria de Estado da Cultura e Turismo (Sectur), que vem dinamizando a produção cultural em pelo menos 52 cidades maranhenses e democratizando o acesso ao ensino musical gratuito e de qualidade.

Com os recursos, o programa conseguiu viabilizar a doação de mobiliários e instrumentos musicais para implementação de escolas de música nas cidades, em parceria com as prefeituras municipais. São mais de 160 itens, dentre armários, cadeiras, mesas, estantes, ventilador, bebedouro quadro branco, livros e partituras, violões, baixo, bateria, clarinete, flauta doce barroca, guitarras, sax, trompete e outros.

Abaixo, a relação das cidades alcançadas pelo Maranhão Musical:

Aldeias Altas, Água Doce do Maranhão, Alto Alegre do Maranhão, Apicum Açu, Amarante do Maranhão, Bequimão, Brejo, Cachoeira Grande, Joselândia, Montes Altos, Presidente Sarney, Presidente Vargas, Nova Olinda do Maranhão, Santa Luzia do Paruá, Satubinha, Trizidela do Vale, Turiaçu, Olinda Nova do Maranhão, Mirinzal, Vila Nova dos Martírios, Cândido Mendes e Riachão, Alcântara, Axixá, Bacabal, Barra do Corda, Bom Jesus das Selvas, Buriti Bravo, Cajapió, Codó, Coroatá, Cururupu, Governador Newton Belo, Imperatriz, João Lisboa, Lago da Pedra, Lago do Junco, Lago Verde, Matões, Mirador, Nova Iorque, Paço do Lumiar, Peritoró, Raposa, Ribamar Fiquene, Santa Inês, São Benedito do Rio Preto, São José de Ribamar, São Mateus, Senador La Rocque, Tuntum e Vitorino Freire.