Caros Amigos fecha as portas após perder patrocínio do Governo Federal

Uma das revistas de esquerda mais antigas no Brasil – chegou a completar 20 anos de existência – e o slogan “a primeira à esquerda”, a Caros Amigos anunciou em dezembro de 2017 a sua última edição impressa, deixou de atualizar o site em fevereiro deste ano e finalmente saiu do ar esta semana. A extinção da revista e do website ocorreu dois anos após o fim da propaganda estatal para revistas, sites e blogs ideológicos.

Segundo o editorial de encerramento da revista impressa, a Caros Amigos “não resistiu ao golpe, ao cerco ideológico do governo ilegítimo, ao aprofundamento da crise deste ultraneoliberalismo que pune a nação com vingança, ódio e descaramento institucional contra os avanços e conquistas sociais”. A revista possuía uma tiragem mensal de 30 mil exemplares e cobrava no mínimo 43 mil reais por anúncio.