Wagner Moura goza dos privilégios que diz combater

O ator Wagner Moura irá participar de um filme que captou cerca de R$ 10 milhões de reais da Lei Rouanet. Apesar do que dizem, é dinheiro do governo sim! A lei dá isenção a empresas que estejam dispostas a ajudar em projetos culturais. Ou seja: o dinheiro que iria entrar e poderia ser gasto na saúde, educação e segurança, vai custear um filme de um dos atores mais bem-remunerados do país.

E qual o problema disso? Bem, reside justamente no fato do ator ser um dos maiores ativistas “pela igualdade das pessoas”. Wagner Moura costuma posar de defensor dos fracos e oprimidos, reclamar do país que temos, denunciar as mazelas “do capitalismo”.

Para ficar em apenas UM dos projetos do ator, estima-se que apenas na minissérie Narcos, da Netflix, Moura tenha faturado os mesmos R$ 10 milhões de reais que foram liberados pelo governo. Para que tanto dinheiro? Moura é o mandachuva de uma produção que deve contar a vida d o terrorista Marighela.

O fato é óbvio: Wagner Moura é um monstro do cinema atual. Não precisa de muito esforço para captar recursos e muito menos patrocínio. E, mesmo que tivesse que tirar do bolso, não iria sentir tanto assim o custeio do próprio filme.

E a conclusão fatal: ao se colocar como postulante a leis de incentivo, Wagner Moura acaba tirando dinheiro de gente necessitada, muito mais necessitada que ele. Esses R$ 10 milhões poderiam ter sido usados para comparar algumas ambulâncias que iriam atender pessoas indefesas que Wagner diz defender; poderia ter sido utilizado para reformar alguma escola para estudantes carentes que Wagner Moura diz se importar…

Enfim, Moura teve duas opções: a da “injustiça social” que é ver dinheiro público ajudando um ator consagrado e milionário ou a da “justiça social” que significaria abrir mão e torcer para que estes recursos socorressem quem mais precisa, preferiu a “injustiça”.

Não custa lembrar que essa não é a primeira vez que Moura enche os bolsos com dinheiro público da lei Rouanet.

Aliás, será que Wagner Moura está disposto a encabeçar um movimento que exija mudança na Lei Rouanet? Incentivo a cultura apenas para artistas sabidamente deficitários e manifestações artísticas populares. Nada mais de dinheiro para milionário da Globo. Será que ele topa?

O que você acha?